sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Não se pode ganhar sempre. A vida equilibra ganhos e perdas. Se o destino habitua alguém à continua vitória, é porque pretende lhe tomar tudo de uma única vez, e então o equilíbrio assumirá a forma de ruína.

Ou: a vitória contínua gera a hybris, e a hybris gera a perdição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário