terça-feira, 13 de maio de 2014

Penso que Deus age assim: não importa o que tenhamos feito, Ele continua todos os dias fazendo o sol nascer para os justos e os injustos, continua a nos observar e a velar por nós. Todos os dias, não importa com que humor tenhamos acordado, Ele espera pacientemente o nosso arrependimento e a nossa emenda.

Da mesma forma devemos agir. Se não esquecermos as ofensas, se não ignorarmos o mal que os outros tenham feito (seja a nós, seja a um semelhante), não há no mundo espaço para a misericórdia, o perdão, o serviço ao próximo, pois todos encontrarão motivos para se afastar uns dos outros.


Nenhum comentário:

Postar um comentário