terça-feira, 27 de janeiro de 2015

A história é a seguinte, conforme me foi contada pelo reclamante e por outras pessoas da cidade: o patrão, gordo, feio, mal vestido e andando sujo, arrumou uma namorada morena de 1,60m, bonita, de coxas grossas. Estava apaixonado, deu um carro zero de presente para ela, montou uma loja para ela, e depois ela o deixou e ele voltou às prostitutas (durante o namoro ele as tinha deixado) e passou a beber muito mais que antes. A empresa quebrou e ele tem ido beber toda noite, chega em casa de madrugada com som alto no carro acordando os vizinhos, e volta a sair só á noite para beber e pegar prostitutas de novo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário