sábado, 20 de junho de 2015

Dias atrás eu tive medo. Não sem motivo, mas mesmo existindo risco grave, continuo considerando absurdo eu sentir medo. Eu não devia ter medo. Nada detesto mais que o medo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário